A Costela-de-Adão é uma planta versátil, se adapta a vários ambientes, tanto interno quanto externo, assim como em relação ao seu tamanho, podendo ficar em vasos grandes ou pequenos, para administrar isso, daremos dicas para a sua Costela-de-Adão como cuidar.

Costela-de-Adão como cuidar: plantação

Como dito anteriormente, ela é adaptável, e no Brasil não foi diferente, ela prefere ficar à sombra ou meia sombra, mas também pode ficar diretamente no sol.

Mas, para se desenvolver adequadamente e exiba toda a sua exuberância, antes de plantá-la, escolha um local menos ensolarado. O seu plantio é fácil, tanto no vaso quanto no solo.

Se for plantá-la em um vaso, escolha um que seja do tamanho que gostaria que ela ficasse no final, quanto mais espaço der, mais crescimento terá. Por crescer muito rápido, se escolher um vaso pequeno, logo terá que trocá-la. Um item que pode te ajudar na drenagem da terra com a plantação da Costela-de-Adão são as argila expandida, que você pode encontrar aqui.

Solo e rega

Costela-de-Adão como cuidar do solo é um processo e   que precisa de muita atenção.

O solo precisa ter uma boa drenagem e ser fresco. O ideal é que o vaso seja trocado todo ano. Já a sua rega pode ser feita duas vezes por semana, mas isso depende do local onde a planta está instalada.

No inverno, a rega pode diminuir para uma vez na semana ou até mesmo quinzenalmente. Para saber qual o momento certo, confira o solo, se estiver seco ao colocar o dedo até quatro centímetros para dentro da terra, é hora de regar.

Cuidados com a Costela-de-Adão

Não é indicado que a planta tenha outras no mesmo vaso porque ela expele toxinas de suas raízes e pode inibir o crescimento de outras plantas. A Costela-de-Adão não gosta de mudanças de temperaturas bruscas, por isso é importante evitar ar-condicionado e aquecedor perto dela.

Outro cuidado é a exposição ao vento, para a Costela-de-Adão como cuidar da folhagem é imprescindível que fique longe de vento, tanto o quente quanto o frio.

Ao tratar da Costela-de-Adão use luvas e tenha cuidado para não encostar a mão no rosto, seus caules e folhas podem causar náuseas, dores de cabeça e até vômito se ingeridos, por isso tome cuidado com crianças e animais de estimação.

Poda

Costela-de-Adão como cuidar da poda, que deve ser feita na primavera, porque é a época em que a espécie mais se desenvolve. Depois disso, é preciso cortar apenas galhos e hastes que fiquem grandes demais.

Fruto

O fruto da Costela-de-Adão deve ser consumido somente após um ano de maturação, antes disso pode causar lesões na língua, garganta e estômago. Mas vale muito a pena a espera, porque é uma fruta com um mix de abacaxi com banana e é doce.

Não é à-toa que o nome da fruta é Mostera deliciosa.

Leia mais: Costela-de-Adão: Conheça a beleza e os detalhes

Agora você já conhece todos os detalhes sobre a Costela-de-Adão como cuidar do seu cultivo, e escolher o ambiente da casa em que ficará ainda mais bonita ou até mesmo fazer várias mudas para decorar toda a casa.