Orquídea é sinônimo de beleza, delicadeza e elegância. Para os que contemplam essas plantas lindas, nós separamos algumas dicas de como plantar orquídeas.


Pra quem é apaixonado por plantas, este artigo é para você, porque terá dicas de como plantar orquídeas. Flores que são delicadas e que caíram no gosto das pessoas, mesmo que exijam muita atenção e cuidado. Além, é claro, de carinho, principalmente no momento do cultivo e do transporte para o vaso.

5 dicas de como plantar orquídeas

Pode não parecer, mas o cultivo das orquídeas é muito simples, porém é preciso ter muita paciência pela demora a florescer. Mas seguindo nossa lista de como plantar orquídeas, você estará seguro e terá lindas plantas em casa.

1. Escolha orquídeas da sua região

Existem milhares de espécies de orquídeas, elas são encontradas em diferentes regiões com características variadas. Você pode localizar as espécies mais comuns ou as que irão se desenvolver melhor no clima da sua região.

Esse conhecimento ajuda a entender a necessidade que sua orquídea tem e a obter mais facilidade nos cuidados e cultivo de suas plantas.

2. Vasos para orquídeas

Nesse caso, a maior parte dessas plantas pode ser plantada em vasos com profundidade acima do bulbo e um espaço de aproximadamente dois dedos. Os vasos grandes podem prejudicar o desenvolvimento da planta, por juntar muita umidade e causar o apodrecimento das raízes. O ideal é que o vaso tenha uma boa drenagem de água.

Não só o vaso é importante, mas também os seus acessórios. Há espécies que possuem hastes longas, portanto será importante ter acessórios de sustentação. Alguns exemplos: arames e estacas de bambu para amarração da planta.

Além disso, a orquídea deve estar bem segura e aderente ao vaso. Ao segurar o recipiente, note se a planta balança, se sim, deixe-a firme. Como plantar orquídeas necessita de delicadeza, por isso fique atento a esses detalhes.

Leia também: Conheça todos os tipos de flores perfumadas para ambientes internos

3. Substrato e Adubação

O substrato é o material utilizado para acomodar as orquídeas no vaso. Você pode utilizar musgo seco, chip ou fibra de coco, mistura de casca de pinus com carvão e até pedriscos. Todas elas podem ser usadas como substrato, mas é bom que sejam trocadas de tempos em tempos.

O adubo pode ser tanto químico quanto orgânico. O ideal é que no início você adube sua orquídea a cada 15 dias, para que ela se adapte ao novo substrato. Quando a planta passar para o período de crescimento, a adubação pode ser feita uma vez por mês, evitando o contato com a raiz.

4. Iluminação

Encontre um local com boa iluminação para sua orquídea. Isso ajudará no florescimento, mas é preciso ter atenção, pois a luz em excesso pode ser prejudicial. A iluminação em excesso pode amarelar as folhas. Já a pouca luz deixa as folhas com um verde claro, sinal que ela precisa de mais luz.

Locais com iluminação indireta, como próximo a portas e janelas, podem ser uma boa dica para cultivar suas orquídeas.

5. Replantio

É necessário lembrar que as orquídeas são muito delicadas. E ao falar sobre como plantar orquídeas, é importante salientar que no momento do plantio o cuidado é ainda maior. Um novo plantio deve ser feito a cada um ano e meio ou dois, em média. Esse tempo é para que o substrato não apodreça.

Na primavera é que a grande mudança acontece, as orquídeas ficam mais iluminadas e ainda mais propensas à reprodução. E, se for o caso, é o momento para a troca de vasos. Isso deve ser feito observando quando elas começam a florescer e se renovam. Esse é o momento indicado para replantar a orquídea.

Alguns truques complementares de como plantar orquídeas

Nos dias muito quentes, você pode molhar o chão em volta de onde a planta foi cultivada para que a água, ao evaporar, chegue até a orquídea.  É uma forma de garantir que ela tenha água sem nenhum excesso.

Em seu habitat natural, a orquídea consegue captar água de alguma fonte colocada perto ou diretamente em contato com o ar. Por gostarem muito da proximidade com árvores, caso tenha um jardim, a melhor opção é plantar as orquídeas no tronco das árvores.

Tenha em mente que o objetivo das raízes brancas é pegar a umidade e os nutrientes e deixar o lugar perfeito para que possam crescer bem.

Pronto! Agora você já sabe o essencial sobre como plantar orquídeas. É só escolher as espécies ideias, que você mais gosta e cultivar em sua casa. Com certeza seu ambiente ficará mais charmoso, elegante e perfumado, assim como são as orquídeas.